• finestrino

Thasos: o melhor restaurante grego de Fort Lauderdale

Nunca nessa vida tinha ido a um restaurante tipicamente grego. Acho que aqui em Curitiba não tem um específico assim, e quando tive a oportunidade de conhecer o Thasos lá em Fort Lauderdale, não hesitei.

O lugar começa a conquistar pela decoração. Gente, é absurda de linda! Por fora ele já é todo moderno e trabalhado nas luzes. Lá dentro é tudo lindo demais, tudo com branco e toques em azul, iluminação perfeita e não sei, realmente me senti em um santinho da Grécia (e olha que nem fui pra lá ainda!). Bom, pra vocês terem ideia, o restaurante já foi premiado pela decoração, então não, não estou exagerando.

A chef Sophia é grega e está sempre por lá. Ela cuida de tudo, fica de olho em tudo o que acontece no restaurante e por isso tudo é sempre muito perfeito. Uma coisa que ela me contou foi que todos os ingredientes que ela usa na cozinha são naturais, frescos, com pouquíssima gordura e peixes muito frescos. Isso faz muita diferença, porque depois de comer um montão, não ficamos com aquela sensação de estufamento. Digo isso porque ela fez eu experimentar metade do cardápio e no fim estava super bem. A comida é muito leve mesmo.

Agora ao que interessa: a comida. Começamos com uma das famosas saladas gregas e com o queijo com limão que vem pegando fogo pra mesa.


Agora esse queijo gente… esse queijo! Peçam. Comecem por ele. É incrível e nunca comi nada igual. Depois vieram bolinhos de cordeiro. Eu nem sou fã de cordeiro, mas experimentei esses que mandaram pra mesa e no fim das contas, de tudo que experimentei lá, ficaram em terceiro lugar no meu ranking da noite!


Depois vieram os peixes, um salmão e o branzino, que nunca ouvi falar. O branzino é um peixe típico do Mediterrâneo e eu AMEI MUITO. Ele tem um sabor diferente, é leve, é fresco. Nossa gostei muito mais do que o salmão, que desponta como favorito de quase todo mundo.

Também experimentamos outros muitas opções lá, todas muito boas. Basicamente, você pode pedir qualquer coisa do cardápio, porque não tem coisa ruim lá. Pra quem gosta de camarão, lula e caranguejo, tem tudo isso lá também (eu não curto, então não experimentei esses, he).


Pra finalizar a melhor parte: sobremesa. Experimentei o mousse de chocolate, que é na verdade meio diferente do que conhecemos por aqui. Ele é tipo um creminho gratinado com chocolate e tudo o mais. Uma delícia e que dá pra dividir porque realmente é meio grande.

Se gostar de vinho, experimente os pratos com os vinhos gregos do cardápio. #ficadica

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle