• finestrino

Pamukkale e as piscinas de calcário

Pois fique sabendo: isso tudo aqui é real, é lindo e imperdível! Eu sempre vi por foto e nunca tinha entendido bem o que eram e como eram.


Do começo, Pamukkale significa “castelo de algodão” e ficam na região da cidade de Denizli. Hoje em dia é um parque nacional e precisa pagar pra entrar, mas antigamente era livre, leve e solto, um monte de bacia com água termal nas montanhas.


Ok para tudo, eu falei água termal? Sim, isso aí, por baixo das montanhas tem água quentinha e com o carbonato de cálcio, solidificam o mármore e fica tudo branquinho. A água é tão quente que em vários pontos dá pra ver a fumaça saindo, e olha que quando eu fui estava frio pra xuxu!


O legal é que dá sim pra pisar lá e sentir a água quente, mas no frio é meio complicado porque as pedras até chegar lá ficam frias também, obviamente.



Mas a área não é só de piscina calcária não. Antigamente tinha uma cidade no topo dessa montanha, a Hierapolis. Era enorme, com tratamento de esgoto e tudo muito avançado. Atrás de todas essas piscinas ainda tem algumas ruínas. Não dá pra passear muito por dentro delas, o pouco que sobrou está fechado para conservação.


O parque é incrível e tem um caminho todo que te leva por vários pontos da montanha. É lindíssimo e com uma vista bacana pra cidade lá embaixo. Um passeio super leve, diferente e parada obrigatória pra quem está viajando pela Turquia, viu?



0 visualização
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle