• finestrino

Onde tomar boas cervejas em Fort Lauderdale

Claramente fui a Fort Lauderdale e aproveitei a deixa pra conhecer vários lugares muito diferentes e com cervejas incríveis. Pega o Engov e vem conhecer!


LauderAle

Antes de mais nada, que nome incrível, não? Fort Lauderdale, LauderAle. Sensa.


No primeiro dia em Fort fui direto conhecer esse lugar. A cervejaria é nova, tem apenas 4 meses e de lá pra cá já cresceu bastante. O lugar é bem despretensioso, os sócios aproveitaram um galpão que tinham e montaram a produção e o bar ali mesmo.


A ideia foi boa, o lugar ficou bacana e muito diferente de outros bares concorrentes. É um pouco estranho chegar, a primeira vez lá foi aquilo “será que é aqui mesmo?”, já que fica em uma área mais retirada e até meio escondida.


Duas coisas que eu adoro: mesa de piquenique e luzes penduradas. Tem as duas coisas lá. E cerveja boa, claro.

Atualmente eles tem 10 tipos de cerveja, tudo fabricado lá mesmo. A de trigo é demais (ok que é a minha preferida sempre, mas a deles é demais) e eles também tem a de abóbora que para nós aqui é bem incomum. Se quiser experimentar mais de uma, dá pra pedir a degustação, que fica 9 dólares.


*Se for lá, pode pedir pra falar com o Kyle, um dos sócios. Ele está sempre por lá e é muito querido, vai saber servir a melhor cerveja pra você.


Funky Buddha

Outra cervejaria incrível e com cerveja própria é a Funky Buddha. O local é enorme e do salão principal dá pra ver uma parte da produção e do maquinário enorme.

O menu tem diversas opções além das clássicas, e são bem inusitadas, viu? Lá experimentei a de banana, de abóbora (olha esse sabor de novo) e de pasta de amendoim. Vale a pena conhecer e experimentar. Também dá pra pedir a degustação, que vem em uma tábua fofíssima em formato de Buda.

Junto vem um salgadinhos pra limpar o paladar antes de partir pra próxima cerveja. Vale lembrar que algumas cervejas são sazonais, ou seja, não estão no cardápio o ano todo. Eles tem uma lojinha bonitinha lá dentro e quem quiser ir com crianças, é permitido!


Riverside Market

A-do-rei o Riverside Market! Diferente das duas de cima, eles não fabricam a própria cerveja, apenas vendem infinitas marcas. Tá, então o que é tão legal assim?


Bom, começa que eles tem muita opção de cerveja. Segundo que o lugar é como se fosse a garagem da casa de um amigo, tudo meio largado, sofazão antigo em formato de mini salinha, engradados e caixas amontoados nos cantos, mesas meio largadas e um clima bem informal. Tão informal que você pega a cerveja que quiser em uma das várias geladeiras e no final paga. Incrível, sim ou não?


Fico pensando se esse sistema funcionaria no Brasil. A única coisa que é mercada em uma ficha é a comida, que aliás, é bem gostosa. As bebidas, tudo é self-service, e boa sorte escolhendo a sua porque tem tanta opção que é muito difícil. Inclusive foi lá que experimentei minha primeira cerveja sabor chicletes (não era esse o nome, só o gosto). Se é boa ou ruim, você só vai saber quando for lá e experimentar!


The Laser Wolf

Bar despretensioso que fui sem querer. O bar é pequenininho mas a cerveja é boa. Aliás, foi lá que sem querer entrei num concurso de abóboras de Halloween. Foi a primeira vez que fiz uma dessas, achei que era bem mais difícil, mas é super fazível.


As cervejas do Laser Wolf não são feitas lá, são todas garrafas e latinhas, num total de 70 tipos, incluindo cervejas de chocolate e baunilha. Esse povo sabe tomar cerveja, né? Olha quantos sabores, marcas e tipos diferentes encontrei na cidade. Lá tem até cerveja sem glúten e quem não é fã de cerveja pode tomar um vinho ou algum outro drink. Não tem desculpa pra não conhecer o bar, até porque foi considerado um dos 100 melhores bares de cerveja da America!


Tap 42

O Tap 42 foi o último lugar que conheci e quase não deu tempo. A diferença com os outros bares é que tem cara de barzinho, aquela coisa mais escura e tal e coisa e também serve comida. Não são todas as cervejarias que servem comida, e lá tem hambúrguer e outros pratos também.


O lugar é muito bacana, todo arrumadinho e com mesas altas de madeira. Muito bom gosto na decoração.


Não tem um cardápio tão vasto de cervejas quanto Laser Wolf ou Riverside Market, mas ainda assim são 34 boas opções pra escolher, e inclusive eles vendem cerveja da Funky Buddha, olha só! Pra minha sorte, tinha minha preferidinha de sempre, a de trigo. Lá tem de blueberry, banana, baunilha e de abóbora também.

1 visualização
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle