• finestrino

O que fazer no Bairro Alto em Lisboa

Hoje vou falar de mais um bairro imperdível em Lisboa, o Bairro Alto. Ele é pequeno e com toda aquela cara de “sou velhinho”, mas acredite, é ali que toda a emoção acontece.


Primeiro que são poucas ruas que você consegue entrar de carro, ou seja, pra chegar lá é andando e subindo e subindo e subindo as várias ladeiras de pedra. Fiquei na casa de um amigo que morava ali, chegar de mala foi uma emoção, haha.


Mas enfim, ali é onde acontecem todos os esquentas da cidade, e é ali que tem 768243 barzinhos pra você ir. Dá pra ir em vários em uma noite, tomar um drink em cada bar.


Mas não é só de bar que vive o bairro, tem muito restaurante bom e legal pra você ir e miradores com vistas lindíssimas, além de lojas alternativas/cool, um ou outro brechó e a Tease, lojinha de cupcakes mais deliciosos do mundo!!


De restaurantes fui em 3: duas pizzarias e um “normal”.


Já no primeiro dia fomos jantar no Simplesmente Pizza Bar, na Rua da Atalaia, 108. O lugar é pequenininho mas muuuuito delicioso. Primeiro que fomos ultra bem atendidos e enquanto esperávamos uma mesinha, pedimos um pastelzinho de queijo e presunto que estava uma delícia. As pizzas não vem em pratos pra você cortar e tal, ela vem toda cortada em pedacinhos e com palitinhos, ou seja, bem moderninho. O preço é uma belezinha também, principalmente se for dividir a pizza com um amigo (porque teoricamente as pizzas são individuais, mas… é too much!).

A segunda pizzaria é a Esperança, na Rua do Norte, 95. O lugar não é só pizzaria, tem massas e saladas também. A pizza também é nessa vibe individual, mas é grande demais, tive que dividir também, hehe. Esse restaurante também é pequenininho, e as cadeiras são banquinhos sem encosto – o que pode incomodar alguns. É todo a luz de velas e bem… tinha um garçom ma-ra-vi-lho-so lá (dica pras meninas!). O preço é ótimo também, a pizza pra 2 + vinho e água sai 20 euros.


E por último o restaurante “normal”, o Toma Lá Dá Cá. Já comentei dele naquele mesmo post que falei da Tease, mas lá falei só da sobremesa. Esse é bem conhecidinho e a comida é uma delícia, além de que você gasta 10 euros já com a bebida. Todos esses restaurantes são muito baratos, é fácil de alimentar bem em Lisboa, só pra constar.

Esse é meio mistério pra achar porque não tem o nome da frente, só tem escrito “Restaurante”, e também ele fica um pouco fora daquele mega agito dos outros que falei acima. Ele fica na Tv. do Sequeiro, 28 e serve vários tipos de comida.


Eu pedi um salmão que não decepcionou e uns amigos pediram um tipo de strogonoff sensacional, que vinha com uma batata pseudo suíça e sério… muito gostoso. Vale a pena ir lá.


Aproveite que está por ali e vá até o Miradouro de Santa Catarina, só seguindo a rua mesmo. A paisagem é linda, mesmo de noite. Tem um muro logo ali que tem um grafite dos Gêmeos e tudo o mais. Se for ali de dia, vá ao Noobai Café, que todo mundo me indicou mas as 2x que tentei ir, estava fechado!


Minhas fotos do mirador não ficaram boas, por isso só vou mostrar o desenho dos gêmeos:

No Bairro ainda tem outro mirador super bonito e com vista pro Castelo, é o Miradouro de São Pedro de Alcântara, bem fácil de achar e em uma região ótima, pois ali na R. da Misericórdia que vira R. Dom Pedro V tem várias lojas legais pra você visitar durante o passeio e seguir até chegar à região Príncipe Real.


Falando um pouco de loja, ali é uma beleza. As lojas são meio “escondidas” mas valem a visita, principalmente se quiser comprar umas coisinhas diferentes.


Uma que preciso indicar aqui é a Tom Tom, que na verdade tem essas coisas made in china que a gente adora. Ela fica aberta até mais tarde, então você pode incluir no passeio noturno dos bares.

0 visualização
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle